Entenda a importância de bons relatórios para uma gestão eficiente

A sobrevivência de qualquer empresa — independentemente de seu porte ou do segmento em que atue — está cada vez mais ligada à capacidade de liderança estratégica daqueles que a administram. Nesse âmbito, a gestão eficiente é um requisito fundamental à saúde dos negócios, possibilitando a conquista (e a manutenção) de resultados mais sólidos e perenes.

Se você ainda nutre dúvidas a respeito da importância de valorizar processos consistentes de gestão, dispondo de relatórios seguros para alicerçar as decisões empresariais, não deixe de ler o conteúdo até o fim!

Preparado? Vamos em frente!

Por que bons relatórios são essenciais à gestão eficiente?

Em um mercado altamente volátil e dinâmico, os gestores comprometidos com o crescimento de suas empresas precisam se dedicar, regular e consistentemente, à construção de seus diferenciais competitivos.

Para que isso seja possível, contudo, não basta apenas alimentar o desejo. É preciso dispor de informações confiáveis, que reflitam com exatidão o panorama operacional da empresa e possam respaldar decisões mercadológicas.

Ou seja: para conceber uma estratégia exitosa, é imprescindível que o líder disponha de dados internos, capazes de balizar táticas de produtividade e diferenciação, e contraponha-as com cenários externos, assegurando uma posição mais clara e assertiva diante dos desafios do ambiente de negócios.

Diante disso, a importância dos relatórios gerenciais é atestada e reforçada. Afinal, de que outra forma seria possível empreender uma avaliação crível dos resultados operacionais e produtivos? Somente a partir da extração transparente dos dados internos!

A gestão eficiente, portanto, é o produto de uma liderança antenada e disposta a perseguir a melhoria contínua dos negócios — valorizando performance e resultados. No esforço de concretizar esse desejo, o uso inteligente de bons relatórios certamente desponta como um dos artifícios mais pertinentes.

Quais relatórios podem contribuir com a gestão eficiente do negócio?

Agora que você já está convencido de que bons relatórios compõem o alicerce para uma gestão de excelência, é o momento de esmiuçar um pouco mais a questão: quais análises podem contribuir para alavancar os resultados da empresa? Conheça algumas das principais.

Fluxo de caixa

O setor financeiro é o pulmão do negócio. É a partir da boa gestão de recursos monetários, por exemplo, que novos investimentos (em infraestrutura, mão de obra, etc) são canalizados e, assim, podem potencializar a operação.

Nesse contexto, o relatório de fluxo de caixa é, sem dúvida, um dos mais cruciais. Os dados cruzados relatam qual é a situação financeira da empresa, listando o saldo positivo, o negativo e mesmo as previsões de recebimento e pagamento.

Gestão de Clientes

Os relatórios de CRM (Customer Relationship Manager) proporcionam um profundo conhecimento acerca da manutenção de relacionamento com clientes — sejam eles ativos, sejam eles potenciais.

A qualidade desses dados pressupõe uma atuação mais acertada no que tange à geração de negócios, favorecendo o controle comercial e permitindo o ajuste de tarefas ligadas ao setor de marketing, vendas e atendimento.

A maximização da performance destes setores representa o crescimento da empresa; afinal, quanto mais clientes são conquistados e fidelizados maior é o faturamento da organização.

Curva ABC de estoques

A gestão de estoques é um aspecto bastante sensível a uma porção considerável das empresas contemporâneas. Os desafios de armazenamento e distribuição, garantindo a otimização de recursos na operação de escoamento de itens, são complexos e inúmeros.

Para auxiliar a gestão eficiente, melhorando a rentabilidade da operação, o relatório de curva ABC garante um conhecimento mais profundo do giro de estoque (para cada produto disponível) e suporta decisões produtivas e comerciais, melhorando a integração das áreas e, por consequência, também os resultados gerais do negócio.

O conteúdo foi útil e você deseja continuar aprendendo? Que tal se aprofundar no cálculo do Lifetime Value (LTV)? A métrica pode ser útil, inclusive, na precificação de seus produtos e serviços. Confira!

4 problemas de vendas que podem ser resolvidos com um CRM

Todo mundo concorda que o foco de uma empresa deve ser o cliente. Então, se você quer que o seu negócio cresça e tenha rentabilidade, está na hora de investir na gestão do seu relacionamento com ele. Sim, com o seu cliente! E, para isso, faz muita diferença contar com a ajuda de um CRM.

Afinal, independentemente do tamanho de um negócio, todo gestor precisa de ferramentas que otimizem os seus processos internos, tornando a sua equipe mais alinhada e produtiva. No entanto, apesar de as plataformas de CRM para vendas serem cada vez mais conhecidas, muita gente não sabe o quanto elas são capazes de fazer por uma organização.

Acompanhe este post e veja 4 problemas de vendas que podem ser resolvidos com um CRM. Boa leitura!

1. Informações desorganizadas

A desorganização compromete o trabalho do seu time, porque causa a perda de informações preciosas sobre os seus clientes. Contar apenas com a memória ou não centralizar os dados são atitudes bem arriscadas.

Por isso, é muito útil ter um CRM para cadastrar as atividades de envio de e-mail, ligação ou reunião. Um agendamento de follow-up, por exemplo, pode ajudar a sua equipe a ser mais produtiva.

2. Dificuldade de alinhamento entre marketing e vendas

Embora não faça sentido a desarmonia entre os departamentos de marketing e de vendas, tal situação ainda é muito comum de ser encontrada. Em um contexto como esse, a adoção de um CRM pode ser muito benéfica para a integração dos times, já que organiza os processos dentro do funil de vendas.

Assim, é possível ter uma visão do histórico do cliente, das ações pendentes e, principalmente, das oportunidades. Isso otimiza o tempo dos seus profissionais e facilita a passagem de conhecimento de um setor para o outro.

3. Falta de conhecimento sobre os clientes

A sigla CRM quer dizer gestão do relacionamento com o cliente. E, para estabelecer uma relação com alguém, é preciso primeiro conhecê-lo, não é mesmo? Para isso, não basta apenas ter o seu nome, telefone e endereço. Na conquista de um lead, é muito importante ter o registro das suas preferências.

Então, conhecer a área de atuação da pessoa, o horário que gosta de ser atendido, as razões de procurar o seu produto/serviço, os problemas por ela enfrentados, quantas vezes já comprou com a empresa e tudo o mais que possa ser relevante para fechar um negócio podem ser registrados e estar disponíveis no CRM. Com uma visão mais completa, aumentam as chances de oferecer o que ela, de fato, precisa.

Lembre-se de que fidelizar o seu cliente é tão importante quanto conquistá-lo. Portanto, invista em um CRM para um atendimento personalizado e ganhe também a sua confiança no pós-vendas.

4. Decisões baseadas em achismos

Se você costuma notar a carência de dados confiáveis na hora de tomar decisões estratégicas, saiba que um CRM pode resolver o seu problema. Isso porque ele permite o monitoramento dos resultados das campanhas de marketing e ações de vendas e, integrado as ferramentas de Business Intelligence facilitam a análise do retorno sobre o investimento das campanhas, cálculo dos custos de vendas, margem de contribuição e muito mais.

Agora que você já sabe as vantagens de um CRM para vendas, o que está esperando para adotá-lo na sua empresa? Não perca mais tempo!

Gostou deste post sobre os 4 problemas de vendas que podem ser resolvidos com um CRM? Entre em contato com a Trinity Relationship Strategy e conheça os nossos serviços!

4 motivos para usar a análise de dados para captar clientes

Realizar a análise de dados para captar clientes não é algo só para grandes empresas— muito pelo contrário, as pequenas e médias empresas também devem utilizá-la, possibilitando uma gestão mais assertiva e a criação de um diferencial competitivo.

Se você está procurando por motivos para investir em análise de dados, então, está no lugar certo! Neste post, apresentaremos alguns motivos para ajudá-lo a tomar essa decisão. Pegue um café e boa leitura!

Como realizar uma análise

O primeiro passo para realizar uma análise é a identificação de um problema que precisa ser resolvido, ou seja, a verificação de quais são as respostas que você está procurando. Em nosso caso, trabalharemos a forma de realizar a captação de mais clientes de alta rentabilidade.

Após determinar a questão central da análise, passamos para a etapa de mineração de dados. É importante compreender que dados soltos não geram nenhum tipo de informação, contudo, toda informação pode gerar algum tipo de dado.

Durante a mineração, o analista deverá recolher todos os dados que fazem sentido para a análise e descartar os que não agregarão. É preciso atentar, ainda, à necessidade de que esses dados sejam extraídos de bases confiáveis, a fim de trazer um cenário o mais próximo o possível da realidade.

Feita a mineração, começa a parte de organização de dados a fim de estabelecer uma lógica que possibilite a sua interpretação de maneira correta e que traga informações relevantes.

Com os dados devidamente organizados, analisam-se as possíveis correlações, tendências, predições etc., transformando estes achados em informações que direcionarão as decisões da empresa.

Confira, a seguir, os motivos para usar a análise de dados na captação de clientes!

1. Entender o comportamento do público ideal

Após analisar os dados dos clientes de sua empresa, você chegou a um perfil ideal de cliente, ou seja, o perfil que apresenta maiores chances de realizar a aquisição dos produtos fabricados por sua companhia.

Por meio dessa compreensão, você conseguirá direcionar seus esforços de marketing e vendas, por exemplo, para impactá-los com informações relevantes e abordagens assertivas, maximizando os resultados advindos de suas ações.

2. Identificar tendências

Uma vez que você conhece a fundo o seu público e entende suas dores e necessidades, conseguirá observar tendências em seu comportamento em relação aos produtos e serviços de sua empresa como, por exemplo, a necessidade de um determinado item se conectar ao smartphone do cliente.

É claro que esse é um exemplo mais restrito às empresas de tecnologia, mas, em outras companhias, funcionaria da mesma forma: a criação de um novo atributo ou de uma usabilidade para seu produto a fim de atender uma demanda não declarada de mercado.

3. Ter histórico para tomar decisões

Por meio da análise de dados, você poderá formar uma nova base de informações para registrar os resultados de todas as ações realizadas pela empresa — as que funcionaram de acordo com o planejado e aquelas que não tiveram um bom desempenho.

Ter e manter essas informações é essencial para evitar a recorrência de erros do passado e, ainda, indicar caminhos alternativos para ações futuras, de forma a trazer muito mais solidez e assertividade às decisões tomadas pela empresa.

4. Fazer a clonagem de clientes

Além de realizar as análises de dados de novos clientes para encontrar um perfil ideal de consumidor, você pode realizar esse mesmo processo com os dados que você já tem de seus atuais clientes, buscando um padrão de perfil e comportamento que traga maior rentabilidade para a empresa.

Após essa identificação, você poderá executar o processo de clonagem de clientes, que consiste, basicamente, em pegar todas essas características de um perfil de alta rentabilidade e direcionar os esforços de sua companhia na busca por mais clientes com o mesmo perfil, “clonando” sua carteira.

Agora que você já conhece algumas vantagens em utilizar a análise de dados para captar clientes, assine nossa newsletter e receba mais informações essenciais como esta em seu e-mail!

Revitalização de CRM: pense nisso antes de trocar de ferramenta

Quando uma solução não está gerando bons resultados no mundo corporativo, é bem comum ver gestores ansiosos por buscar novas soluções como se elas fossem a resposta para todas as suas dúvidas. Mas o que acontece se o problema não está na ferramenta, mas na forma como ela está sendo utilizada?

A revitalização de CRM hoje é uma saída ágil e barata para otimizar a operação de um negócio sem grandes investimentos ou reformulações nos processos internos. Se você acha que essa pode ser a solução para a sua empresa, continue a leitura deste post e saiba mais sobre o assunto!

O que é revitalização de CRM e por que é necessária?

Se você já tem experiência no mundo corporativo, sabe como funciona o caráter mutável de um negócio. Com o tempo as estratégias mudam, as expectativas por resultados se transformam e o mercado todo acompanha. O sucesso sempre é atingido por aqueles que se adaptam melhor.

Adaptar-se na maioria das vezes não significa fazer um novo grande investimento ou abandonar o que já foi feito, apenas ter um novo olhar sobre sua operação para encontrar formas de otimizar o que você já tem — é fazer mais com menos. Essa forma de pensar em um empresa é chamada de Business Intelligence e se mostra cada vez mais necessária para diretores e empresários que buscam consolidação no mercado.

Um dos grandes exemplos dessa atuação mais estratégica de um bom gestor está na sua relação com o CRM de uma empresa. Novos processos e demandas ou a simples falta de cuidado com as ferramentas de um sistema mais antigo podem gerar problemas para o negócio, com processos mais demorados e a perda de informações importantes para a sua estratégia.

Nesse cenário, não é raro ver um gestor optar por simplesmente trocar de CRM para tentar resolver o problema, apenas para descobrir que o problema não estava na solução, mas em como ela foi usada. Em muitos desses casos a revitalização pode ser mais eficiente sem ter que investir em um novo ciclo de aquisição, adequação e implementação.

Como a revitalização ajuda a sua empresa

A revitalização de CRM é um processo que começa no diagnóstico da situação operacional que sua empresa vive hoje, que resulta em um planejamento de readequação, redesenho de processos e requalificação do sistema para conseguir resultados em otimização e produtividade que se adaptem a novas estratégias.

Revitalizar seu sistema garante melhor usabilidade da ferramenta e permite que você utilize a solução por completo, garantindo melhor desempenho, fortalecendo os processos dentro da sua empresa e otimizando o rendimento das equipes.

Como identificar o momento certo da revitalização?

A revitalização de CRM não é como formatar um computador. Não é apenas uma repaginada na tecnologia, pois é preciso rever conceitos e estratégias dentro da empresa para que a solução se alinhe ao modelo de negócio.

Se você está pensando em investir em um novo CRM, você já sabe que é o momento certo de cogitar antes uma revitalização — economizando tempo e dinheiro e, ainda assim, conseguindo resultados muito positivos.

Se a questão ainda parece um pouco duvidosa na sua cabeça, veja se você se identifica com essas afirmações:

  • a ferramenta não parece mais funcionar como na época da implementação;
  • a empresa usa apenas o módulo de vendas e não sabe usar o potencial da ferramenta para a área de marketing ou de serviços ao cliente, por exemplo;
  • muitas ferramentas de fora estão sendo usadas para complementar o CRM;
  • o modelo de CRM utilizado não consegue se adequar bem a um novo modelo de negócio;
  • os funcionários não conseguem se aproveitar do CRM para aumentar a produtividade;
  • você sente que não há mais estratégia no uso da ferramenta ou que a empresa não consegue mais explorar todo o seu potencial.

Como você pode ver, a revitalização de CRM pode estar relacionada a uma dimensão estratégica, operacional ou as duas juntas. Se você conseguiu se identificar com essas afirmações, é hora de começar a planejar um redesenho de todos os seus processos envolvendo o sistema.

Quais são os cuidados a tomar?

Seja em uma mudança de fato ou em uma revitalização, qualquer alteração profunda no CRM da empresa precisa de uma preparação e de cuidados a serem tomados para que o processo todo seja feito com segurança e sem afetar a produtividade. Veja algumas dicas:

Não faça nada sem planejamento

Como qualquer alteração de estratégia dentro de uma empresa, o gestor precisa saber em que ponto o negócio está e para onde ele precisa ir. É nessa fase que você vai definir a necessidade da revitalização, como ela será feita e que profissionais estarão engajados nesse processo.

Realize mudanças em etapas

É sempre importante quebrar o processo em passos menores para que o impacto na rotina da empresa seja o menor possível. Planeje uma etapa, execute, valide e só então passe para a próxima fase.

Invista em comunicação e treinamento

Qualquer solução tecnológica só beneficia uma empresa se seus funcionários estiverem preparados para lidar com ela. A comunicação interna e os treinamentos serão fundamentais para o sucesso da revitalização antes, durante e depois da implementação.

Crie mecanismos de monitoramento

Essa é uma hora excelente para criar novos indicadores de performance e definir como eles serão medidos. Ter dados mais confiáveis sobre eficiência do sistema e produtividade vão lhe ajudar a não precisar fazer grandes alterações tão cedo.

Parcerias estratégicas e especialização

Contar com empresas parceiras nesse processo é fundamental para que o resultado que você espera finalmente seja convertido em sucesso. Muitas vezes uma revitalização é necessária porque a implementação foi feita de forma errada, ou seja, foi feita apenas de forma técnica e não teve um alicerce estratégico por trás para sustentar sua implementação.

Portanto, selecionar uma consultoria especializada pode ser o primeiro passo do seu planejamento. Ela terá muito mais ferramentas (além de um olhar de fora) para diagnosticar seus problemas com o CRM e sugerir o caminho mais seguro para uma revitalização. É uma forma não só de encontrar as falhas no relacionamento entre empresa e sistema, mas de entender melhor o mercado em que ela está inserida para que a solução traga vantagens além da concorrência.

Para conseguir essa segurança, confiar no fornecedor é fundamental. Encontre empresas que tenham um processo bem-definido de consultoria, soluções completas para resolver todos os aspectos operacionais e uma base de clientes que a qualifique como uma referência no mercado.

Então, que tal entrar em contato conosco? A Trinity tem toda a expertise que você precisa para ajudar a sua empresa a encontrar oportunidades operacionais e estratégicas no seu negócio e comandar uma revitalização de CRM que mapeie o seu caminho para o sucesso!

Case de Sucesso: Como a Trinity ajudou a Leuze Electronic em sua Transformação Digital?

Transformar-se digitalmente e acompanhar o mercado é um desafio diário para as marcas que desejam se manter vivas e inovando constantemente. Esse foi o caso da Leuze Electronic, uma empresa familiar, especializada em componentes eletrônicos na área de automação industrial.

Fundada em 1963, a Leuze tem no seu DNA a missão de sempre evoluir e inovar. Diante da necessidade de se manter como um bom player no mercado, a empresa percebeu alguns pontos que poderiam ser melhorados, tanto interna quanto externamente.

O primeiro ponto a ser melhorado era otimizar a comunicação interna e organizar os dados da empresa da melhor forma, para assim melhorar a produtividade de todos os funcionários. O segundo ponto era estabelecer uma estratégia de captação e rentabilização da base de clientes.

O início da parceria

À procura de novas propostas e parceiros que pudessem ajudar a empresa a evoluir e inovar em sua atuação, em 2014 a Leuze Eletronic encontrou a Trinity Reletionship Strategy pelo Google e acertou em cheio na busca! A Trinity abraçou os desafios propostos pela Leuze e, com base no seu conhecimento técnico, propôs inicialmente uma consultoria estratégica em CRM, direcionada a melhorar a captação de leads e o aperfeiçoamento de processos através da implementação de práticas e conceitos de gestão do relacionamento com clientes.

Para Edimilson Mario, diretor-gerente da Leuze, a melhor parte de trabalhar com a Trinity é a compreensão do negócio e das necessidades do cliente, sem apresentar fórmulas prontas para tudo. “Nós apresentamos os desafios e as demandas, e eles construíram uma abordagem estratégica totalmente personalizada para a empresa, mas sempre embasada nas melhores práticas e novidades do mercado”, ressalta o diretor.

Crescendo juntos

Inicialmente contratada para apoiar consultivamente a Leuze na estratégia de gestão de clientes e na operacionalização de campanhas de captação de leads no meio digital, a Trinity precisou aprofundar seu conhecimento no mercado, clientes e processos da Leuze.

Com isso, durante a consultoria estratégica inicial, a Trinity identificou também outras necessidades — como a atualização e aprimoramento das funcionalidades da ferramenta de CRM utilizada pela Leuze. Assim, deu-se início à revitalização do CRM.

Na dimensão tecnológica, a Trinity assumiu a atividade de sustentação do Dynamics CRM na Leuze e, desde 2015 presta o suporte técnico às manutenções corretivas e evolutivas da ferramenta sustentando a operação e aprimorando a usabilidade e a aplicabilidade da ferramenta no dia a dia da empresa.

No âmbito estratégico, a Trinity vem sugerindo a implementação de práticas, conceitos e técnicas de gestão do relacionamento, tais como, a diferenciação e ranking de clientes – pontuação e posicionamento dos clientes e potenciais clientes com base em critérios quantitativos e qualitativos de rentabilidade, potencial e relacionamento – e a sugestão de abordagens e ações de CRM com base no comportamento, no perfil e nas necessidades dos clientes e prospects.

Como algumas das abordagens sugeridas pela Trinity contemplava a operacionalização de ações de comunicação e marketing direto por meio de newsletters e e-mails marketing, para integrar e otimizar essas campanhas e os disparos, a Trinity implementou o MDM (Microsoft Dynamics Marketing), integrado ao CRM da Leuze.

Esta implantação proporcionou à empresa a capacidade deles mesmos dispararem e mensurarem ações de e-mail marketing com agilidade e simplicidade. Hoje a Leuze realiza os disparos dos e-mails marketing periodicamente pelo MDM para uma base de clientes e prospects  bem selecionada e segmentada pelo CRM e vem obtendo excelentes resultados com estas ações.

Inteligência é a Alma do Negócio

Com o sucesso da parceria entre a Leuze e a Trinity  a confiança entre as empresas é imensa e os desafios são mais do que bem-vindos — sejam eles sugeridos pela Trinity ou solicitados pela própria Leuze.

No início do trabalho entre as empresas, o analytics das ações e os resultados da consultoria estratégica em CRM eram acompanhados por meio do Qlikview, ferramenta de BI até então utilizada pela Trinity para fazer as análises dos negócios e resultado das suas ações em seus clientes.

No final de 2015, as duas empresas apostaram no Power BI para integrar as diferentes fontes de dados e realizar as análises e acompanhar o resultado das operações. E, mesmo tendo sido recém lançado e ainda pouco consolidado no Brasil, a Trinity migrou todos os dados e análises da Leuze do Qlikview para a ferramenta de Busines Intelligence da Microsoft.

Uma aposta que valeu a pena

O Power BI é uma ferramenta de business intelligence de baixo custo e de fácil implementação que permite a análise de dados e o gerenciamento de todas as operações de uma empresa — como faturamento, vendas, marketing e outras atividades — em uma única plataforma.

Na Leuze, o Power BI permitiu consolidar dados de diferentes fontes como o ERP Totvs, o Dynamics CRM, o MDM, o Google Analytics e ofereceu ao cliente uma visão completa, confiável e em tempo real das operações, permitindo analisar os cenários, as tendências e os resultados.

O Power BI fornece informações a partir do cruzamento de dados, por exemplo, do faturamento disponível no ERP com a quantidade de visitas realizadas, lançadas pelos vendedores no CRM. A partir disso é possível analisar a relação existente entre essas e outras variáveis, ajudando na gestão estratégica de uma empresa.

Segundo Cláudia Xavier, sócia e diretora de operações da Trinity, o Power BI “é a ferramenta estratégica que toda empresa deveria ter. Quando bem implementada ela entrega informações altamente relevantes acerca do mercado, das operações e das ações estratégicas da empresa, gera alertas com base em indicadores e métricas configuráveis e permite a empresa agir com tempestividade e racionalidade em suas decisões”.

Em suma, é a ferramenta ideal para CEOs e diretores, pois ajuda a otimizar o tempo, eliminar planilhas e unificar todas as informações importantes em um só lugar. Além disso, a consulta aos dados é feita em tempo real e através de qualquer dispositivo, ou seja, os indicadores da sua empresa estão sempre atualizados na palma da sua mão.

Para Edimilson Mario, da Leuze, a implementação do Power BI foi uma evolução natural para a empresa. “Temos o compromisso de realizar sempre a melhor gestão possível e, por isso, estamos sempre em busca de novas ferramentas e opções. O Power BI foi essencial para o cruzamento de informações da Leuze, e hoje é uma ferramenta indispensável e usada diariamente em nossa gestão”, ele conta.

O sucesso da implementação de uma ferramenta relativamente nova esteve relacionado tanto à rapidez da Trinity em se capacitar da melhor forma para seu uso, quanto da abertura da Leuze em readequar seus processos em busca de melhorias e evoluções.

Evoluir e inovar sempre

Em nome da Leuze, o diretor gerente Edimilson Mario afirma que a implementação de tantas ferramentas viabilizada pela Trinity trouxe mudanças significativas para a transformação digital e a presença online da empresa.

Segundo ele, além do uso diário do Power BI para uma tomada de decisões mais eficiente e estratégica, o uso do MDM aumentou a taxa de abertura de e-mails marketing para 12% e seu bom rankeamento no Google é convertido em clientes que chegam diariamente até a Leuze por buscas na internet.

Para Edimilson, o trabalho com a Trinity “não foi uma mudança radical em relação aos nossos produtos e serviços oferecidos, mas fundamental para uma empresa que quer se manter vencedora no mercado. Houve uma otimização de processos que, sem dúvidas, consolidaram nossa transformação digital e continuam nos ajudando com melhorias constantes”.

A Leuze é uma empresa que busca evoluir constantemente e está sempre em busca de novidades e boas práticas de mercado. Diante disso, o sucesso da parceria com a Trinity é garantido, sendo essa uma empresa sempre pautada em entender o negócio do cliente e propor melhorias constantes. Para a boa fluidez desse trabalho, nada melhor do que uma colaboração mútua na hora de inovar!

Satisfação e recomendação do cliente

A Trinity oferece um suporte constante ao CRM e ao Power BI, e para Edimilson Mario isso faz dela uma empresa na qual se pode confiar e que não hesita em inovar e testar soluções.

“Hoje em dia, eu diria que graças ao trabalho deles nós simplesmente chegamos e usamos os sistemas. Não é preciso checar se ele está funcionando ou se estará disponível: sempre está! Além disso, sempre que queremos fazer algo novo, tudo é feito de forma muito rápida, profissional, com uma equipe excelente, e tudo isso com um ótimo custo-benefício”, ressalta do diretor-gerente, satisfeito com os serviços prestados pela Trinity Relationship Strategy.

Quer fazer como a Leuze e encontrar o melhor parceiro de sucesso para uma consultoria focada em inteligência e relacionamento com o cliente? Entre em contato conosco e conte-nos sobre o seu negócio!