Na gestão logística, inteligência de dados é fundamental para a tomada de decisões mais acertadas e fundamentadas, construindo processos e estratégias que tragam resultados para a empresa. Com a aplicação de conceitos e ferramentas de Business Intelligence (BI), é possível entender, em tempo real, informações e necessidades da empresa de forma fácil e eficiente.

No entanto, muitas empresas ainda não aplicam esse tipo de ferramenta em suas rotinas e processos, já que esse ainda é um assunto menos conhecido e que vem ganhando espaço nas discussões há pouco tempo.

Explicamos agora como o BI pode auxiliar na gestão logística e apontamos algumas das vantagens desse tipo de aplicação de inteligência dentro da empresa. Confira agora!

O BI auxiliando na gestão logística

O conceito básico das aplicações de BI é oferecer indicadores claros de desempenho do negócio avaliado, por meio de métricas obtidas pelo cruzamento e análise das informações, permitindo que as decisões sejam baseadas em análises inteligentes e dados concretos, garantindo resultados melhores.

Além de agilizar a análise de dados críticos, as aplicações de BI na gestão logística permitem controlar a qualidade e performance da operação além de aperfeiçoar processos, uma vez que falhas humanas e operacionais ficam evidenciadas através do monitoramento e análises dos dados.

As vantagens da aplicação de BI na gestão logística

Além do BI auxiliar nos processos de gestão logística, existem algumas outras vantagens que sua adoção pode trazer para sua empresa. Confira!

Integração de elementos de gestão

Um dos fatores mais importantes para a gestão logística é a integração entre os setores e a obtenção de informações claras e precisas, sendo que a aplicação de BI garante que dados de diversos setores sejam cruzados e agrupados de forma eficiente e automática com o objetivo de gerar análises e visões mais inteligentes do negócio.

Análise de dados em tempo real

Outra vantagem que o uso de BI oferece está na análise das informações e dos dados em tempo real, permitindo identificar situações, problemas, riscos e necessidades de forma quase que instantânea a partir de parâmetros e indicadores de qualidade monitorados. Dessa forma a empresa se torna mais competitiva uma vez que consegue agir rapidamente no controle de possíveis danos.

Apoio à tomada de decisões

Por último, é importante destacar que a tomada de decisões na gestão logística exige agilidade, precisão e eficiência, o que é potencializado pela análise precisa dos dados que pode se tornar ainda mais sofisticada através do cruzamentos de diferentes fontes – internas e externas – como, por exemplo, dados de trânsito, dados de clima, entre outros dados públicos ou privados que interferem nas operações logísticas.

A avaliação dos resultados para compreender o desempenho da ferramenta de BI

Ao adotar uma ferramenta de Business Intelligence para apoiar as estratégias de gestão logística, não basta confiar na escolha do melhor sistema para as operações do dia a dia, já que a tomada de decisões deve ser fundamentada nos resultados obtidos e em análise detalhada e cuidadosa das melhorias oferecidas pela sua adoção.

Para isso, é interessante entender como a ferramenta de BI auxilia nos processos gerenciais e de análise estratégica dentro da gestão logística, comparando os resultados obtidos antes da aplicação e medindo os impactos que sua utilização trouxe, através do monitoramento de métricas claras de sucesso e de potenciais melhorias.

O que você achou de entender como a aplicação de ferramentas e conceitos de BI pode auxiliar na gestão logística? Se você gostou do conteúdo e deseja se manter atualizado, aproveite e assine nossa newsletter!